8 de outubro de 2021 | Nº 240
 

O Analista

Jorge Forbes abre a conferência que inaugurou o quarto bimestre letivo de 2021 do IPLA com uma questão: "Quem é o analista?". Para se dizer quem é o médico, há critérios universais: aquele que se formou em medicina. O mesmo raciocínio não funciona em psicanálise. Há a necessidade do estudo teórico, de análise pessoal e supervisão, mas nenhuma conclusão de curso ou diploma garante que alguém seja um analista. Seu conceito, diz Forbes, é cheio em extensão, mas vazio em intenção: é simples dizer "os analistas", não é tão simples afirmar "o analista".

É o que mostra Lacan ao contestar os standards da prática analítica criados pelos pós-freudianos. Essa posição, que levou, em 1953, a sua expulsão da SPP (Sociedade Psicanalítica de Paris) reafirma que a prática da psicanálise não se pauta em universais, mas na singularidade; não possui standards, mas princípios.

  O Analista
Nesta edição:

A tarefa hercúlea de Jacques Lacan

"A Psicanálise de Hoje" (1958), organizada pelo psicanalista Sacha Nacht, então presidente da Sociedade Psicanalítica de Paris (SPP), é coletânea de artigos mais conhecida talvez pelas menções e críticas que Lacan faz dela em seu texto "A Direção do Tratamento e os Princípios do Seu Poder". Alain Mouzat retorna ao texto de Sacha Nacht para elucidar as críticas de Jacques Lacan à contratransferência e ao conceito de resistência. Leia no site.

Tempo de leitura 20 min
 

A Influência do Discurso "Woke" no Brasil

Por que o discurso "woke" tem menos influência no Brasil do que em outros países, como Estados Unidos e França? Assista ao vídeo de Jorge Forbes para Lacan Web Télévision, o canal do youtube da École de la Cause Freudienne.

Tempo de leitura 15 min
A psicanálise de Freud a Lacan: A Clínica em Detalhes
© 2012-2021 IPLA. CC alguns direitos reservados.